“Com quem se ama, toda safadeza é permitida”, diz Wesley Safadão

Wesley Safadão é a grande revelação da música brasileira. O cantor nordestino já tem o segundo cachê mais caro do país, algo em torno de R$ 500 mil, jatinho particular e costuma lotar todos os shows que faz pelo Brasil. Ele acaba de lançar um clipe ao lado de Ivete Sangalo (assista aqui). Para quem carrega o sobrenome Safadão, Wesley mostrou-se um cara até que muito bem comportado.
diz-Wesley-Safadão
Veja abaixo como ficou o perfil do forrozeiro feito pelo jornal O Dia:
Perfume: Bleu, de Chanel.
Dinheiro: Um perigo! Constrói e destrói com a mesma facilidade.
Sonho de consumo: Ter o que dinheiro não compra. Porque o essencial é invisível aos olhos.
Mulher: A minha.
Ídolo: Roberto Carlos.
Comida: Da Nordestina à culinária peruana.
Viagem: Las Vegas.
Saudade: Da época da escola.
Felicidade: Filhos.
Medo: Não tenho medo. Tenho fé.
Religião: Um meio de exercitar a fé e estar com Deus.
Tristeza: Ver uma injustiça.
Livro: A Bíblia.
Arrependimento: Não tenho.
Música pra hora H: ‘Chá pra Relaxar’.
Melhor música do Safadão: ‘Camarote’.
Uma safadeza permitida: Com quem se ama, toda safadeza é permitida. Safadeza com amor.
Uma frase célebre de Wesley Safadão: Quem vive de orgulho morre de saudade.
FONTE: JORNAL O DIA
Compartilhar no Google Plus
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial