“Foram várias traições”, revela Joelma em entrevista



joelma
Joelma recebeu a equipe do “Fantástico”, da Globo, para uma entrevista exclusiva, que foi ao ar na noite deste domingo,1. A cantora, vocalista da Calypso, abriu o verbo e falou sobre as polêmicas que envolveram ela e Chimbinha nos últimos meses. Segundo a artista, as traições do músico não foram somente no casamento, mas também em questões profissionais. Ela também contou que foi agredida diversas vezes fisicamente pelo ex-marido e que chegou a ficar trancada em um quarto de hotel até as marcas de seu rosto sumirem.

A cantora disse que tem 60% da banda Calypso e fez um raio-x sobre a situação do grupo: “Realmente ele (Chimbinha) estava fazendo outros projetos fora da banda, sem a minha permissão, sem me consultar, e saiu muita verba”.
Apontando a traição profissional, ela também comenta em que momento desistiu do casamento: “Não foi apenas uma traição, foram várias traições, né? Eu perdoeei muitas vezes. As mulheres que passam por isso vão entender. O homem faz uma traição aí chora, pede perdão, e você passa por cima por conta da família e trabalho. Aí vem uma segunda traição, aí você perdoa. Tem uma hora que você não aguenta mais. Quando isso começou a afetar os meus filhos, quando meu filho teve que se meter entre eu e ele para que eu não apanhasse, aí chegou o ponto final.”
‘Ele já tinha me agredido antes’
Ao entrar no assunto agressões, Joelma aponta um passado bem difícil ao lado de Chimbinha. “Ele já tinha me agredido antes. No ínicio da banda ele me agrediu e eu tive que passar três dias trancada em um quarto de hotel até meu rosto voltar ao normal. Ele tem muito cíumes. E, depois de três anos, ele tentou me jogar do segundo andar de uma casa, aqui do Recife, onde a banda estava alojada. Não denunciei pela família e também por vergonha. Não queria me expor.”
O motivo apontado para todas as brigas, segundo Joelma, seria a ‘bebida’. “Ele perdia o controle assim, de uma maneira que ninguém conseguia controlar ele. Nos outros momentos não, ele era muito calmo e tranquilo. Mas ele não podia ser contrariado. Mas para mim isso é página virada, eu já superei isso aí.”

Segundo reportagem na TV, procurado pelo “Fantástico”, Chimbinha lamentou e negou todas as acusações de agressões e desvio de dinheiro da empresa.
Ameaças do guia espiritual:
Joelma também falou sobre as possíveis mensagens ‘ameaçadoras’ que Chimbinha teria recebido em seu celular, vindas de uma ‘guia espiritual’ da cantora. “Sobre isso eu não sei quase nada, é uma questão policial. Eu confio na polícia e quero essa verdade. Meu guia espiritual é Deus”, disse a cantora, confirmando que fez doações para uma igreja evangélica de parte do patrimônio do casal. Este seria um dos motivos do conflito entre os artistas. “Eu resolvi doar uma fazenda. Não me arrependo porque me trouxe uma leveza muito grande.”
Joelma Calypso
Falando de planos para o futuro, Joelma descartou qualquer tipo de retorno de seu casamento com Chimbinha. “Nenhuma possibilidade de reconciliação, eu não quero voltar para aquela vida”, disse ela, que reforçou que seguirá carreira com a banda Joelma Calypso.
Sobre a nova parceira de Chimbinha, Thábata Mendes, Joelma comenta: “Eu desejo pra ela muito sucesso, muitas felicidades, a mesma coisa que eu desejo para meu novo guitarrista. Que seja um novo começo.”
Fonte: Ego
Compartilhar no Google Plus
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial