Prefeitura de Canindé de São Francisco pode não fazer o tradicional São João

A população de Canindé de São Francisco está questionando se a Prefeitura Municipal fará o tradicional São João.


A cidade de Piranhas, no Estado de Alagoas, que é uma das fortes rivais de Canindé no sentido das festas juninas, já saiu na frente e anunciou sua programação de São João de 2017. O Forrógaço tem nomes de peso que atraíram presença de grande público e mais uma vez manterá o status de cidade do forró, como já foi apelidada nessas épocas.

No Diária Oficial do Município conta apenas a chamada aviso de licitação, Pregão Presencial n° 020/2017 registro de preço cujo OBJETO é a contratação de empresa(s) para futuras aquisições de materiais (FOGOS DE ARTIFÍCIO), que integrarão o Sistema de Registro de Preços, para atender as necessidades da Prefeitura Municipal de Canindé de São Francisco/SE, conforme disposições do Edital e especificações constantes no Termo de Referência. O valor é de R$ 15 mil reais.

Fonte de renda e grande atração turística o São João de Canindé de São Francisco teve grande auge nas duas gestões do Prefeito Orlandinho Andrade através da Secretaria de Eventos e Turismos, cuja chefia era da Jornalista Silvia de Oliveira e apoio de Pedro Kelman, nos anos de 2005 até 2012. Com Heleno Silva a festa começou a perder o brilho devido à falta de investimento.

(REPRODUÇÃO/ REVISTA SERGIPE NEWS)

Questionado sobre o assunto o Jornalista Silva Júnior, que responde pelo setor de Comunicação, foi atencioso e disse passar informação quando estivesse de posse das mesas, entretanto, outra informação que chega ao site é de que o prefeito Ednaldo da Farmácia estaria analisando tudo que chega em suas mãos e decidindo o que é ou não prioridade esses dias de crise em Canindé de São Francisco.

Em quatro meses de gestão, até o momento: não houve carnaval; sem distribuição de peixe e sem São João. Ainda está por vir a Festa do Quiabo e outras tradições que já tornaram culturais e históricas. Há reclamações nesse sentido. “É crise ou esquecimento?”, reclamação popular.

“Ednaldo tem dois meses de administração. Ele ainda não absorveu a dimensão do que pegou em suas mãos para gerir […].”, disse o Vereador Ronildo Beserra.

Da redação
Adeval Marques

Compartilhar no Google Plus
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial