Sucesso em reality, MC Créu viveu depressão antes de entrar no programa

Cantor passou por grave depressão antes de sua estreia no 'Power Couple'
O funkeiro MC Créu sempre teve a alegria e irreverência como marca registrada, mas quem pensa que a vida do artista sempre foi só sorrisos e alto astral, está enganado. O artista que atualmente está participando com sua esposa, Lilian Costa, do programa 'Power Couple', da Record e que com seu jeito leve cativou a todos, passou um grave problema de depressão antes da estreia na atração.
Sérgio Lucas, filho de Créu, revelou que a situação de ver o pai em depressão sempre deixou toda família muito preocupada. “Ele fazia música, jogava no mercado e não acontecia. Sendo que pra divulgar os trabalhos, ele pegava dinheiro emprestado. Mas não tinha retorno. Daí, ele começou a pensar que era incapaz, que nunca ia acontecer. Depois de um tempo, ele passou a se trancar no quarto. Todos perceberam essa mudança repentina no comportamento dele. Meu pai sempre gostou de sair, de conversar e do nada ele queria apensas ficar sozinho. Quando perguntamos, ele disse que tinha medo das pessoas e que tudo na vida dele estava dando errado!”., contou.

(Reprodução/Divulgação)

Sérgio contou ainda que foi através de uma reportagem na TV, que sua avó notou que os sintomas que Créu apresentada, era de uma depressão. “A minha vó estava assistindo à televisão, quando surgiu uma matéria sobre depressão. Os sintomas eram os mesmos do meu pai. Fomos conversar com ele, mas na hora, ele se revoltou. Disse que não era maluco e que não estava deprimido. Mas isso ficou na cabeça dele”., lembrou.
Um dos fatores que mais deu força ao DJ e funkeiro foi a parceria com a mulher Lilian, com quem está casado há 23 anos e tem 3 filhos – Lucas de 19 anos, Duda de 12 e Gabriel de 11 -, foi primordial, para que Créu começasse a vencer a depressão. “A minha mãe deixou de ter a vida dela para viver a vida dele. Meu pai dependia da minha mãe pra tudo. As contas chegavam e ele não tinha grana pra pagar. Mas minha mãe não deixava ele desistir. Sempre colocava ele pra cima”.

(Reprodução/Instagram)

Mesmo com todo apoio e amor da família, Créu sabia que precisava da ajuda de um profissional e buscou um psiquiatra, onde descobriu que estava com depressão e fobia das pessoas. “Meu pai recebeu a ajuda de um psiquiatra e de um psicólogo. A situação dele naquele momento era muito grave. Todos nós sentíamos falta daquela alegria que ele tinha pela vida e que do nada tinha ido embora”, lembrou o filho.
“Nunca vou esquecer o primeiro dia que ele fez uma brincadeira em casa depois que começou o tratamento. Foi emocionante. Ali, a gente viu que a gente estava no caminho certo. Outra coisa bacana foi que meu pai passou a ajudar moradores de rua entregando alimentos, como por exemplo, sopa, em dias frios. Isso fazia ele perceber que podia ser útil em muitas coisas, não só na música”, lembra o jovem que ainda entrega: “Os médicos achavam arriscado meu pai participar do Power Couple, mas quando ele foi convidado, ele ficou tão feliz, tão diferente, que todo mundo viu que ia fazer bem pra ele estar lá. Sem contar que minha mãe estaria junto. Ela cuidaria bem dele, como de fato está cuidando”.
Ao ver os pais na TV e percebendo a superação diária, os filhos de Créu se emocionam. “Meu pai está se superando a cada dia. E ele tem se emocionado lá dentro porque ele está sentindo a energia boa que todo mundo está mandando pra ele. Meus irmãos, assim como eu, choraram junto com meus pais ontem. Estamos com saudade, mas estamos orgulhosos de tudo que eles estão fazendo lá no programa”, conta Sergio Lucas.
FONTE: SUA MUSICA
Compartilhar no Google Plus
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial