Quarto maior canal do mundo, KondZilla é a grande referência do Funk

KondZilla se tornou uma grande plataforma do Funk
"Ainda vou lançar o meu clipe no KondZilla". Talvez dez entre dez jovens que querem seguir uma carreira no Funk provavelmente pensam nisso. Hoje, uma das maiores ou a maior referência de fazer sucesso no ritmo é ter um de seus vídeos no maior canal do Youtube brasileiro. Atualmente o KondZilla ocupa a quarta posição entre os canais com mais inscritos na plataforma, são mais de 46 milhões. O canal também é gigante em seu número de visualizações, são mais de 22 bilhões, ficando na sexta posição.
Mas se engana quem pensa que o KondZilla é apenas um canal de youtube. Apesar deste ser o lado mais conhecido, aquele que o público vê com mais clareza, Konrad Cunha, criador do canal, também faz publicidade e agencia carreira de artistas com a sua gravadora, a KondZilla Records, além de manter o Portal Kondzilla, que reúne notícias do meio musical.

O KondZilla se define como uma plataforma de comportamento do jovem de periferia do Brasil. "Eu quero falar por todo o público jovem de periferia. Eu quero e vou trabalhar para isso. Vou ser o maior comunicador desse público e fazer essa conexão não apenas do baile Funk, mas de toda essa cultura e comportamento desse público.", comentou Konrad em entrevista ao Meio & Mensagem.
Mas antes de falar sobre os outros braços da produtora, vamos falar sobre este que já é conhecido por todos, o canal. Como mostramos no início da matéria, os números são enormes, colocando o canal entre os quatro maiores do mundo e fazendo com que ele seja extremamente visado por aqueles que querem divulgar seus trabalhos.
Foi lá que músicas como "Olha a explosão" e "O Grave bater", de MC Kevinho, "Amor de verdade", de MC Kekel e MC Rita, "Bumbum granada", de MC Zaac e Jerry (Hoje em carreira solo), "Deu onda", de MC G15 e tantas outras estouraram. O canal também é responsável pelo primeiro vídeo brasileiro com mais de um bilhão de visualizações, da música "Bumbum tam tam", do MC Fioti.

Com o tempo e o crescimento, o canal não abrigou apenas nomes do Funk, mas também do Forró e do Brega Funk. Afinal, a KondZilla, em seu portal, também se diz ser uma produtora audiovisual, seja de Funk ou não. Até mesmo propagandas publicitárias e documentários já foram feitos pela produtora.
Alguns nomes de fora do Funk que já passaram pelo canal são Wesley SafadãoLéo SantanaXand AviãoMárcia Fellipe e muito mais, mostrando um pouco da diversidade de conteúdo de um canal que nasceu para o Funk, mas que abrigou e também fez sucesso com outros ritmos.

Mas hoje, além de ser uma produtora audiovisual e ter um dos maiores canais do mundo, a KondZilla também fortalece um outro braço, a KondZilla Records, que agencia artistas do Funk e tem grandes nomes em seu casting, como MC Kevinho, MC Kekel, Dani Russo, Guimê e vários outros.
Tudo isso unido torna a plataforma a grande referência do Funk, já que ao mesmo tempo tem o maior meio de lançamento de clipes, é uma das maiores agenciadoras do ramo e muitas vezes produz e divulga o próprio trabalho.
Em resumo, a KondZilla não é apenas um meio de divulgação, mas como diz o seu criador, é também um meio de validação daquele conteúdo. Quando um artista tem seu clipe produzido e lançado pela plataforma, ele acaba sendo "validado" como um conteúdo forte naquele meio do Funk.
Além de produzir e divulgar clipes, agenciar artistas e trabalhar com publicidade, o KondZilla também mantem o Baile do KondZilla, evento que reúne grandes nomes do Funk em algumas capitais do Brasil.

FONTE: #SUAMUSICA

#NORDESTE #FESTAS #DIVULGAÇÕES #AGENDA #FORRO #SERTANEJO #AXÉ #PAGODE #SAMBA #FUNK #SERGIPE #BAHIA #ALAGOAS #PERNAMBUCO #RIOGRANDEDONORTE #CEARA #MARANHÃO #PARAIBA #PIAUI #KONDZILLA 
Compartilhar no Google Plus
    Blogger Comentario
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial